Seapa recolhe 15 toneladas de embalagens de agrotóxicos no Sul de Minas

Material entregue durante campanha itinerante realizada em Três Corações terá destinação adequada

Cerca de 15 toneladas de embalagens de agrotóxicos foram recolhidas na região de Três Corações. O material foi entregue por produtores rurais de café, soja, morango e batata do Sul de Minas, entre os dias 3 e 6 de dezembro. A campanha itinerante de recolhimento tem objetivo de conscientizar agricultores, cooperativas e revendas sobre a destinação correta das embalagens de agrotóxicos, além de contribuir para o desenvolvimento rural sustentável.

A ação facilita o cumprimento da norma de defesa sanitária vegetal pelo produtor rural. A iniciativa foi realizada pela Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), em parceria com o Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), Emater-MG, Epamig, Associação dos Distribuidores de Insumos Agrícolas do Centro Oeste e Sul de Minas, Prefeitura de Três Corações e Central de Recolhimento de Três Pontas.

Do total recolhido, quatro toneladas de embalagens foram coletadas em Lavras e 11 em Três Corações. Além disso, 500 kg de produtos impróprios também foram entregues. O material é enviado para reciclagem e transformado em novas embalagens de agrotóxicos ou utilizado na construção civil.

A Política Nacional de Resíduos Sólidos atribui competências a todos os elos da cadeia produtiva desde produtores rurais, fabricantes, revendas e poder público. Nesse sentido, o envolvimento de diversos atores é fundamental para a destinação adequada das embalagens de agrotóxicos. 

Para o superintendente de Desenvolvimento Agropecuário da Seapa, Rodrigo Carvalho Fernandes, a campanha foi bem sucedida e revelou a preocupação dos produtores com a questão. 

“Os agrotóxicos são essenciais para manejar pragas, doenças e plantas espontâneas que acometem a nossa agricultura. No entanto, sua utilização tem que ser obrigatoriamente racional. Esses números expressivos da campanha, com o recolhimento de 15 toneladas de embalagens vazias, demonstram cada vez mais que o agricultor produz e preserva de forma concomitante, o que é fundamental para o desenvolvimento rural sustentável do estado”, avalia.

Hoje, 11 centrais e mais de 50 pontos de recebimento de embalagens de agrotóxicos estão espalhados em diferentes regiões de Minas. As unidades – que funcionam durante todo ano – recebem e encaminham os resíduos recolhidos para a indústria de reciclagem, reaproveitamento e incineração.

Atualmente, mais de 90% das embalagens vazias de agrotóxicos tem a destinação final ambientalmente adequada no estado de Minas Gerais.

Fonte: Ascom/Seapa

Foto: Prefeitura de Três Corações

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s