Controle de pragas na fruticultura tropical

Belo Horizonte (29/3/2017) – O aumento dos cultivos de fruteiras no Brasil torna necessário o estudo permanente do manejo de pragas, a fim de garantir um controle eficiente, econômico e ecologicamente correto e atender às exigências dos mercados nacional e internacional. Como forma de orientar fruticultores e técnicos no reconhecimento, manejo e controle dessas pragas a nova edição da Revista Informe Agropecuário tem como tema o Manejo de pragas de fruteiras tropicais.     Capa 293 - Corte

Para o manejo de pragas, diversos métodos devem ser integrados, destacando-se os controles biológico, cultural, mecânico, comportamental e/ou o uso de inseticidas botânicos, microbianos ou sintéticos. Destaca-se, ainda, a necessidade da observância da Legislação Fitossanitária Brasileira, visando prevenir a introdução de novas pragas nas operações de importação, bem como a legislação pertinente a cada país, nos casos de exportação.

Nesta edição são descritas as técnicas de manejo de pragas na produção de frutas como abacaxi, manga, maracujá, lichia, goiaba, bem como tecnologias de aplicação de produtos fitossanitários e manejo agroecológico.

O Informe Agropecuário Manejo de pragas de fruteiras tropicais teve a coordenação dos pesquisadores da EPAMIG Lenira Viana Costa Santa-Cecília e Rogério Antônio Silva.

 Capa 293

Mais informações:

EPAMIG- Divisão de Promoção e Distribuição da Informação Tecnológica

Telefax: (31) 3489-5002

e-mail: publicacao@epamig.br

Páginas:104

Preço: R$15,00

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s